Será que todo açúcar faz mal à saúde e sempre contribui para o ganho de peso?  Fonte primária de energia, carboidratos são absolutamente necessários e devem estar presentes no cardápio, até mesmo em forma de açúcar. Mas, é preciso conhecer a composição do que existe à venda, para que seja possível nutrir o corpo sem nenhum risco à saúde.

Encontramos três diferentes tipos de açúcar no mercado: o branco, o demerara e o mascavo, oferecendo sempre 4 calorias por grama, em qualquer versão. A diferença está nos outros nutrientes, como ferro, cálcio, magnésio, cobre, fósforo, potássio e especialmente as vitaminas do complexo B, necessárias à conversão dos carboidratos em energia. Vale lembrar que, na natureza, essas vitaminas estão ligadas a pigmentos marrons e, sendo assim, o açúcar mascavo é sempre a melhor opção. Na sequência, temos o açúcar demerara, que sofreu algum processamento, mas ainda mantém boa parte dos nutrientes. Já na versão branca, o açúcar nem deveria ser considerado um alimento. Embora ofereça as mesmas calorias, perdeu praticamente todo o valor nutricional e ainda apresenta na composição substâncias químicas que podem prejudicar a saúde.

Diabéticos não deveriam consumir nenhum tipo de açúcar, já que elevam a glicemia. Para atingir esse público, o comércio oferece o “açúcar light” que nada mais é do que adição de adoçantes artificiais ao açúcar branco comum, o que também não é indicado.

Com sabor muito apreciado e efeitos culinários desejados, há séculos o açúcar é item marcante nas receitas de doces, tornando-se ingrediente básico das sobremesas na cozinha brasileira. Há que considerar também a alegria que sentimos ao consumir açúcar, já que produzimos serotonina ao ingerir carboidratos, o que estimula um desejo sempre maior por eles. Porém, se escolhermos as versões nutritivas, mantendo o controle de volume, o açúcar pode ser um aliado da saúde e um estímulo para dias mais alegres e felizes.  

 

Com carinho,

Sheila Castro – Nutricionista

NAIS/VIVER BEM

sheila.castro@unimedsjc.coop.br

Publicações

Navegue nas páginas internas dessa sessão